20 de set de 2010

GAP NITEROI dia 17/09/2010

Na ultima 6ª feira (17/09) tivemos a nossa reunião no Gap

Nosso grupo está crescendo, já somos agora 11 Parkinsonianos, alguns cuidadores e alguns amigos. Tivemos a presença da fisioterapeuta Elisia Garcia da Silva Fernandes, que nos mostrou a importância da respiração, postura e relaxamento no nosso dia a dia.
Falou sobre RPG (reeducação postural global) e fez conosco uma atividade mostrando como devemos respirar, para conseguirmos relaxar, já que o sintoma que mais nos incomoda é a rigidez.
Foi muito engraçado, pois nos colocou, todos, encostados na parede pra fazer a atividade. Mostrou-nos os diversos instrumentos para massagem e relaxamento.. Distribuiu um texto falando sobre o método RPG e para finalizar nos presenteou com uma linda mensagem. Ah! Uma noticia bem legal, ela estará conosco lá em Itaipava...

Depois disso tudo, aquele lanchinho que só o pessoal da UNEI sabe preparar... Silvio, Andreia,Cristiane e Daniele, obridada pelo carinho e atenção.

O texto que Elisia levou para o grupo.
Resumo do Método RPG

Idealizado por Phillipe Souchard, na França e introduzido no Brasil na década de 80, trazendo maior credibilidade aos tratamentos fisioterápicos enfocando principalmente dores e desvios posturais.
É um método da fisioterapia que trata das desarmonias do corpo humano levando em consideração as necessidades individuais de cada paciente, já que cada organismo reage de maneira diferente às agressões sofridas. É uma técnica revolucionária que considera os sistemas muscular, sensitivo e esquelético com um todo e procura tratar, de forma individualizada, os músculos que se diferenciam na estrutura.
É um método de correção da postura através de alongamentos globais que envolvem todas as cadeias musculares do corpo, e se utiliza também de exercícios ativos ministrados e aprendidos pelo paciente e ainda reforço na conscientização de percepção do alongamento e retração das cadeias musculares de forma global, constando de um método de educação e orientação das posturas.
É indicado para dores e distúrbios na coluna vertebral, má postura, problemas ortopédicos, inflamações osteoarticulares, estresse, cefaléia, labirintites, ansiedade, dentre outros.

Obrigada Elisia, sua presença foi muito importante para todos nós.

12 de set de 2010

GAP NITEROI

Olá Amigos...

Na próxima 6ª feira dia 17 de setembro, teremos nossa próxima reunião e teremos a visita da fisiterapeuta Elisia Fernandes..
Olhe o recadinho que ela deixou pra nós....

Queridos,
Estou aqui para dizer que dia 17/09, sexta feira agora, estarei no 8º andar da Caixa Econômica, em Niterói, falando sobre a importância da respiração e da postura para melhorar a qualidade nas atividades de vida diária. Falarei também um pouquinho sobre RPG(Reeducação Postural Global).
Agradeço o convite da querida Mônica para dar esta palestra.
beijinhos,
Elisia Fernandes
Fisioterapeuta-RPGista


GAP NITEROI
Endereço: Av Amaral Peixoto 335, 8º andar, Centro de Niterói, Rj.
Horário: de 14 às 16 horas

E então não dá pra perder não é mesmo... 14 horas não esqueça... beijos

6 de set de 2010

ANIVERSÁRIO DO GAP

Um ano de atividades
Hoje vamos comemorar
Pensei em como eu faria
Para deste ano falar
Resolvi fazer uso dos versos
Que é a minha maneira de pensar

Fiquei procurando palavras
Para poder começar
Fazer uma retrospectiva
Isso é muito popular
Mas a historia do nosso grupo
É no mínimo peculiar...

Nunca pensei que um dia
Fosse um grupo de ajuda formar
Mas depois que conheci a Monica
Não demorou pra isso mudar...
Conversamos muitas vezes
Até a ideia eu aceitar...

Imagine que foi por email
Que a Monica eu conheci
Fomos nos encontrar num congresso
No Recife, muito longe daqui
Mas foi lá que a sementinha
Foi plantada em mim

Vi tanta gente com garra
Parkinsoniano de todo lugar
E não pense vocês que eles
Tinham saúde, para esbanjar
Todos tinham seus problemas
Mas estavam ali pra superar...

Logo fizemos um encontro
Onde a Ana eu fui conhecer
O Alex procurou a Monica
Depois que a viu no Mais Você
O Nylton e a Mª Lucia
Juntaram-se a nós pra valer

A Monica de repente chegou
Com a seguinte novidade
Está é a Maria Lucia
Que quer a nossa amizade
Ela conseguiu um lugar
Para as nossas atividades...

Depois de alguns dias
Para a nossa organização
Chegou o grande dia
Da nossa primeira reunião
Com a UNEI fizemos parceria
E assim selamos essa união

Este período de um ano
Foi bom pra gente se conhecer
Pois um grupo afinado
Vai poder melhor receber
Pessoas que estão precisando
De ajuda para o Parkinson vencer

Percebemos as diferenças
Ao escolher um olhar
Falamos sobre esperança,
E o que temos que enfrentar
E que essa união no grupo
A nós só faz melhorar...

Já cantamos varias musicas
Junto com as atividades
Cada mês que nos reunimos
Tem sempre uma novidade
É uma atividade nova
Ou falamos da nossa realidade

Na ultima reunião
Alguém pediu pra falar
Das dificuldades que temos
No dia a dia e no lar
Começamos ali mesmo
E foi muita risada no ar

A gente imagina logo
Dificuldades no andar
Mas na verdade não sabemos
Que a dificuldade será...
Dar o nó no saco de mercado
Ou do fundo do bolso a moeda tirar

Tivemos a visita de 1 fono
A Angélica que veio nos falar
Ela nos mostrou exercícios
Pra da nossa voz a gente cuidar
Porque a Doença de Parkinson
Da voz gosta de se apoderar

Falamos também sobre o Timo
Que é uma glândula importante
Temos que fazer exercícios
Para que ela fique gigante
Pois ela ficando pequenina
Nos deixará descontente

Seu Jose e o Edmundo
Chegaram para ficar
Apesar de uns contratempos
Eles não gostam de faltar
O seu Olinto chegou por ultimo
E já encontrou o seu lugar

Falamos sobre o Congresso
E tudo o que aconteceu por lá
Levamos um CD com um vídeo
Para o nosso grupo mostrar
Somos um grupo pequeno
Mais isso começa a mudar

Tivemos um encontro regional
Com as outras associações
Falamos sobre vários problemas
Mas o remédio foi o vilão
Muitos não sabem como conseguir
E fomos procurar solução

No final do ano tivemos
Uma confraternização
Fizemos um amigo oculto
Cada um fez o seu cartão
O presente foi singelo
Porém feito de coração

E a ultima atividade foi
Um logotipo pro grupo criar
Duas ideias maravilhosas
Fizeram na duvida a gente ficar
Demos uma sugestão
Das duas ideias se juntar...

Quero pelo grupo agradecer
A todos os aqui estão
Em especial aos cuidadores
Que nos da muita atenção
Sem eles não poderíamos
Estar nesta reunião

À UNEI, queremos agradecer
Por nós ceder este lugar
A atenção das meninas e do Silvio
Que estão sempre a nos agradar
E a parceria com diretoria da UNEI
Que sem ela aqui não podíamos estar..

Quero pra finalizar dizer
Que o grupo começa a aumentar
A cada nova reunião
Há um novo membro a chegar
Deste jeito, devagarinho vamos acolher
Aquele que quiser participar


Autora: Regina de Mattos Pereira

Cordel feito por ocasião do 1º aniversário
do Grupo de Ajuda Parkinson Niterói.

5 de set de 2010

MINHA ORAÇÃO

FAZ DOIS ANOS QUE MEU FILHO PARTIU

Da minha janela quando amanhece vejo as últimas estrelas no céu e, ao mesmo tempo, os primeiros clarões da madrugada. É um momento sublime, em comunhão com Deus, agradeço por estar com Ele na beleza do dia que começa e no silêncio do amanhecer. Ao acordar sinto, no ar da manhã que respiro a presença Dele me fortalecendo para mais um dia de vida. Então, além de agradecer, choro pelas despedidas, pela saudade (saudade é a lembrança que fica), pedindo que Ele me conforte e me ajude a não cultivar nenhuma amargura no coração.
Buscando respostas para as minhas saudades, ouvi o canto triste de uma sabiá junto à minha janela. O seu canto se misturou com os meus sentimentos e, no seu lamento, se encontrou comigo. Percebi a tristeza da sua mensagem. Era forte e comovente o seu canto tentando proteger os seus filhotes de um predador, um gavião que em vôos rasantes investia contra o seu ninho. A nossa força vem justamente de nossa fraqueza, do sofrimento que nos faz lutar e transformar a dor em esperança.
Vivemos num mundo inquietante, de desafios, lutas, dúvidas, agressões, dores que geram inseguranças. A vida é uma construção constante. Como nos defender do que ameaça? A sobrevivência instintiva, inata, é comum a todos os seres. Um amigo, da nossa Família Parkinson, fazendo um comentário sobre o livro Era Outono em Barcelona, O meu encontro com Mr. Parkinson, afirmou: "os búfalos e touros são os únicos seres a investir contra o perigo mesmo na eminência da morte. Se por um lado nisso se sustentam as touradas espanholas e surrealistas, o fato é que esses animais lutam, até morrer numa tentativa de garantir sobrevivência. Assim tem sido o mundo. Um jogo entre os seres que nele habitam pela sobrevivência de cada um."
A dor é solitária, nos faz acreditar que o frio está lá fora, mas o que sentimos realmente é um frio da alma, ainda, inconformada, imperfeita. Numa dessas manhãs, sob a lembrança de um sonho que me fez muito feliz, olhei para o céu e senti a sua presença. Sua imagem foi se apagando com a realidade da luz de um novo dia. Aquele momento ficou registrado na minha mente e, tive a certeza, absoluta, que você continuava vivo. Você não existe apenas nos meus sonhos. Sonhar dá significado à vida.
Sigmund Freud, criou um saber inteligente, construindo a sua teoria psicanalítica no terreno, ainda, desconhecido dos sonhos. Colheu exemplos de sonhos infantis identificando um elemento comum: todos eram simples e indisfarçadas realizações de desejo. ( F, Sigmund, A Interpretação de Sonhos vol. v. pag. 580 )
O sonho antecede a toda realização. Sonho não pode ser fuga, alienação.
Manuel Bandeira falava da sua dificuldade de sonhar. O poeta no seu lamento, dizia: ?Em que esquina do passado perdi meu coração de criança?
Nas minhas orações, olho para o céu e contemplo as estrelas. Posso ouví-las no meu coração. Falem comigo: em que estrela, em que lugar se encontra o meu filho?


MONICA DE OLIVEIRA SOUTO


"HÁ MOMENTOS NA VIDA QUE SENTIMOS TANTO A FALTA DE ALGUÉM QUE O QUE MAIS QUEREMOS É TIRAR ESSA PESSOA DE NOSSOS SONHOS E ABRAÇÁ-LA."
CLARICE LISPECTOR