26 de nov de 2009

Recado de Keila para Monica

keila dos santos disse...
Eu estou amando o livro, mesmo não sendo parkinsoniana mas aprendi muito sobre está doença . Eu amei pelo fato de vc não ter desistido de lutar é continua vivendo. no começo do livro diz "o valor das coisas não está no tempo em que duram , mas na intensidade com que acontecem. por isso existem momentos inesquecíveis , coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis." sei que é difícil mas vale a pena viver o agora sem pensar no futuro, sei que não tem melhora mas sei que tem a felicidade de viver dia apos dia. Agradeço a você Monica de ter passado um pouco da sua experiência para mim. Eu sou keila dos Santos, tenho 17 anos e se precisar de alguém para lutar pela causa de vcs o pouco que eu puder fazer vai ser muito bom para mim,mas sei que não posso fazer nada ,mas posso está orando por tudos parkinsonianos beijos.♥

Comentário retirado do blog tremendo papo, do dia20 de Novembro de 2009 09:54

Obs. A Keila dos Santos é aluna da E.E.Dorval F. da Cunha onde trabalho. Ela escreveu esse comentário depois de ter lido o livro Era Outono... que pegou por emprestimo na biblioteca da escola.
Regina M Pereira

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Keila, o seu recadinho de amor me emocionou muito. Desejo encontrar com você para "bater um papo legal". Quanto a não fazer nada, você já está fazendo quando diz estar orando pelos portadores de Parkinson. Neste Natal, juntas, além dos abraços, dos amigos, dos presentes e das comidinhas gostosas, vamos elevar os nossos pensamentos ao aniversariante para agradecer todo o bem que recebemos, reverenciando a todos que espalham o Amor em Seu nome.
    Beijinhos, Monica Souto

    ResponderExcluir